Trabalhando em casa? Saiba como melhorar a sua conexão WiFi

Postado em 17 março 2020

Trabalhando em casa? Saiba como melhorar a sua conexão WiFi

Trabalhando em Casa?

Então, de repente, você começou a trabalhar em casa – por um período indeterminado e não por escolha própria - tudo graças ao coronavírus.

Estou aqui para lhe dizer que o regime de Home Office não é assim tão ruim. De fato, pode ser bem bacana.

Recomendamos seguir aquelas dicas básicas: encontre o espaço adequado e torne-o eficiente e confortável , estabeleça horários e uma disciplina que permita separar claramente o trabalho de suas atividades domésticas, compartilhe suas entregas e prazos de maneira transparente e contínua via aplicativos colaborativos (como o Asana ou similar) desta forma você minimiza aquele estigma de perda de produtividade e consequente a desconfiança de seu empregador.

Só isso?

Não, na verdade, este artigo tem como objetivo esclarecer os aspectos técnicos relacionados à qualidade de recepção do seu WiFi e dicas de como resolvê-los.

Sabemos que as grandes operadoras como Claro, Oi e Vivo estão se movimentando para lidar com esta mudança no uso de suas redes. Sabemos também que  a utlização intensa do streaming de video (crianças em casa e video conferências) e descentralização dos pontos de utilização podem sobrecarregar o fornecimento e gerar um estrangulamento da banda larga. Sem dúvida as velocidades vão cair, muita paciência nesta hora!

Garanta que seu Wi-Fi esteja atualizado

Nunca houve um melhor momento para garantir que você obtenha as melhores velocidades de Wi-Fi possíveis em sua residência.

Nesta semana, cresce a cada dia o numero de pessoas que estão trabalhando remotamente, e isso significa que as redes Wi-Fi da sua casa são mais importantes do que nunca. E vamos ser sinceros - já temos o suficiente para nos estressarmos. A última coisa com a qual você precisa lidar é com um sinal de Wi-Fi fraquinho.

Felizmente, você tem opções. Mesmo se você não souber muito sobre as configurações do seu roteador ou a melhor maneira de alterá-las, ainda existem algumas etapas fáceis a serem seguidas para garantir que suas velocidades sejam o mais rápidas possível.

E não há melhor momento do que uma pandemia :( para aprender alguns truques novos, certo?

Execute alguns testes de velocidade

Proponho iniciar executando alguns testes de velocidade para ter uma boa noção de dos problemas na sua conexão Wi-Fi. Há muitos serviços gratuitos na Web que o ajudarão a fazer exatamente isso. Um dos mais populares é o App Speedtest - veja a imagem do App que ilustra este blog -  Ele dá como opção vários servidores externos e como a maioria dos testes de velocidade, também é muito fácil de usar - basta clicar no grande botão "iniciar" e esperar cerca de um minuto.

A partir daí, você verá as velocidades atuais de upload e download de qualquer dispositivo em que esteja executando o teste de velocidade, além do ping, que é uma medida de latência de quanto tempo os dados demoram para viajar de um lado para o outro servidor com o qual você está testando. Comece concentrando-se nas velocidades de download e upload - faça alguns testes por vez em vários pontos da sua casa, onde você estará trabalhando e calcule a média para ter uma idéia de como suas velocidades se mantêm.

Se você estiver vendo velocidades de download inferiores à metade do plano contratado por você, ou se as velocidades de upload forem dramaticamente inferiores às velocidades de download, esse pode ser um ponto potencial de melhoria.

Quanto à latência, você não precisa se preocupar muito com isso, a menos que tenha muitos dispositivos em execução na rede ou se estiver compartilhando largura de banda com familiares. Supondo que “todo mundo” esteja trabalhando em casa a tendência é que as velocidades de internet sejam drasticamente impactadas. Lembre-se que além do seu computador você pode ter em funcionamento sua Câmera WiFi, lâmpadas e tomadas WiFi, o Netflix, o Fortnite, Fifa (com as crianças em casa também) seu marido ou esposa também trabalhando remotamente etc.

Recomendamos que você trabalhe o mais próximo possível do roteador, caso esteja operando na rede WiFi sem cabos. O ideal seria uma conexão Ethernet com cabo plugado no seu computador. Esta, sem dúvida, é a melhor maneira de garantir que você esteja obtendo as velocidades mais rápidas. Mas se isso não for uma opção, talvez você precise trabalhar em uma sala onde o sinal Wi-Fi não é tão forte quanto você precisa. Isso acontece quando você está muito longe do roteador ou porque há muitas paredes ou obstáculos que o separam.

Um extensor de alcance de plug-in simples e barato como os da TP-Link pode ser o suficiente para aumentar o sinal no seu escritório domiciliar.

Antes de adquirir um roteador novo, a primeira coisa que você deve tentar fazer é reposicionar o roteador para fortalecer a conexão. Para obter os melhores resultados, você deve mantê-lo "arejado"/em cima de uma prateleira - idealmente o mais alto possível. Se você pode reposicionar as antenas, tente fazer isso também. Escaloná-los em ângulos diferentes pode ser o suficiente para aumentar sua velocidade.

Há uma última coisa a verificar antes de comprar qualquer dispositivo, e esse é o canal do seu roteador. As bandas de frequência de 2,4 e 5 GHz que o roteador usa para enviar seus sinais são divididas em vários canais, assim como os canais de TV que você pode captar com uma antena. Seu roteador usa um único canal de cada vez, e se você estiver usando o mesmo que um vizinho, por exemplo, essa interferência poderá diminuir a velocidade da sua conexão.

Amplie seu alcance (ou atualize seu roteador)

Se nada disso funcionar, talvez seja hora de uma atualização de hardware. Os extensores de alcance de plug-in são uma opção e você tem muitas opções que não custam muito. Sua melhor aposta é escolher uma feita pela mesma empresa que fabrica seu roteador. Ele não precisa ser muito rápido - a maioria deles não é -, mas enquanto ele puder manter suas velocidades acima de 50 Mbps ou mais, você poderá usar a Web normalmente, incluindo chamadas de video. Outra opção seria atualizar o seu equipamento. Seguem algumas opções: o Tp-Link AC1900 Gigabit Wireless de Banda Dupla Archer C9  (topo de gama), na faixa de R$300,00 o roteador TP-Link Wireless AC1200 Archer C5 (intermediário) e uma solução custo benefício seria o Mercusys MW325R N300Mbps.

Então, voltemos ao cenário em que seus filhos estão em casa, na escola, transmitindo o Disney Plus e jogando Fortnite enquanto você está tentando trabalhar. Há algumas coisas que você pode fazer para impedir que o tráfego da Internet afete o seu.

A primeira e mais fácil é garantir que você esteja usando diferentes faixas de frequência. A maioria dos roteadores opera as bandas de 2,4 e 5 GHz e muitos as dividem em duas redes separadas com as quais você pode se conectar. A banda de 5 GHz é mais rápida, enquanto a banda de 2,4 GHz oferece melhor alcance. Dedicar uma dessas duas bandas apenas ao tráfego relacionado ao trabalho retornará uma experiência muito melhor do que compartilhar uma banda com sua família ou colegas de casa.

A maioria dos roteadores também pode criar uma rede de convidados opcional, às vezes com configurações de velocidade máxima que podem ajudar a impedir que seus filhos consumam muita largura de banda. Alguns até permitem que você administre a rede de acordo com um cronograma, caso deseje cortá-los totalmente em determinadas horas. Da mesma forma, seu roteador pode ser capaz de agendar o acesso a dispositivos específicos ou a um grupo de dispositivos.

Conclusão

Relaxe, trabalhar em casa não é tão ruim assim. Estabeleça condições “profissionais” de conforto, qualidade de hardware e de conexão internet.

Teste a qualidade de sua conexão WiFi com aplicativos como o Speedtest. Caso observe velocidades de download inferiores à metade do seu plano de Internet contratado então você deverá fazer ajustes na localização do roteador ou da sua posição/localização de trabalho. Caso não seja possível talvez tenha que otimizar suas bandas ou em último caso comprar um novo roteador.

Esperamos que estas sejam dicas úteis. 

Seja solidário e responsável, juntos iremos superar esta crise.

Aguardamos seus comentários abaixo :)

3 comentários

  • soyPIbGjrXZ: August 02, 2020

    KmphYEudlGDTIF

  • yRqtQNCYboEkKx: August 02, 2020

    CSkMjUodcXgK

  • Carla Guth: March 18, 2020

    Sensacional este artigo. De fato estamos muito estressados com tantos acontecimentos. Agradeço o compartilhamento, pois não tenho o hábito de fazer testes do meu Wi-Fi é comumente o sinal não está bom e dificulta muito meu trabalho em casa.

Deixe um comentário

Posts recentes

Seja bem-vindo!

Cadastre-se com seu e-mail e receba nosso newsletter e promoções em primeira mão!